. .

GBOEX promove ações com a finalidade de intensificar a solidariedade

Parte das rotinas do GBOEX contemplam ações que incentivam atos de solidariedade, as quais foram intensificadas depois do início da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). A empresa realizou a doação de valores para o Banco de Alimentos para a compra de mantimentos para famílias com dificuldades financeiras; apoiou iniciativas do Comando Militar do Sul e da 3ª Divisão de Exército, de Santa Maria, com insumos para a fabricação de máscaras protetoras, e também entregou material para a confecção de máscaras de grau médico para a Associação Hospitalar Vila Nova, de Porto Alegre, que tem atendimento 100% via Sistema Único de Saúde.

Em maio, o gerente administrativo, da Sede, João Batista da Cunha Fialho realizou a doação de uma cadeira de rodas para o Educandário São João Batista. A entidade atende, gratuitamente, 180 crianças e jovens com deficiência, na Zona Sul da capital gaúcha, e tem como objetivo promover a reabilitação, proporcionando tratamento adequado e educação.
Em junho, o gerente da Unidade Curitiba, Marcelo Vianna, representando a empresa, entregou cestas básicas para a 5ª Região Militar – Região Heróis da Lapa, com sede em Curitiba. Os donativos foram arrecadados na campanha “Ação Solidária GBOEX” e beneficiaram famílias em situação de vulnerabilidade social. Os 280 quilos de alimentos foram entregues ao coronel André Rovida, chefe da Seção de Assistência Social.

O GBOEX busca disseminar os bons exemplos como forma de incentivo para que a solidariedade se multiplique. A campanha do agasalho deste ano foi lançada, mobilizando colaboradores, parceiros e associados para que as doação aconteçam e as entregas sejam realizadas em pontos de coleta próximos das residências, beneficiando, assim, quem mais precisa, especialmente neste momento. Semanalmente, a empresa encaminha boletins internos que promovem a ação e a lista de espaços para recebimento. O objetivo é estimular a doação de forma contínua.

Outra campanha ativa na instituição é a arrecadação de tampas de plástico para o projeto Tampinha Legal, programa socioambiental de caráter educativo da indústria de transformação do plástico que reverte, para instituições assistenciais cadastradas, a totalidade dos recursos obtidos com a venda do material. O GBOEX disponibiliza, desde 2017, um ponto de coleta na matriz, em Porto Alegre, e apoia entidades como a organização Caminhadores RS, a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – APAE, o Instituto da Mama do Rio Grande do Sul – IMAMA, o Cerepal – Reabilitação para Lesionados Cerebrais e o Educandário São João Batista.

Para juntar-se a essa corrente do bem, doe agasalhos na sua cidade. E caso queira contribuir com o projeto Tampinha Legal, consulte no site o ponto de coleta mais próximo, clicando aqui

GBOEX – Cuidado é assim: quando todos têm, o mundo fica bem.